(61) 3257 3131 - (61) 3257 3120

(61) 99177 3744

31 de maio – Dia mundial sem tabaco – Fumar causa doenças gastrointestinais?

O tabagismo também contribui para muitos tipos de câncer e doenças do sistema digestivo.

São doenças em que o cigarro contribui para seu surgimento: doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), úlceras pépticas e algumas doenças do fígado. Fumar também aumenta o risco de doença de Crohn, pólipos do cólon e pancreatite, e pode aumentar o risco de cálculos biliares.

Você sabia que o tabagismo afeta a azia e DRGE?

O fumo enfraquece o esfíncter inferior do esôfago, um músculo entre o esôfago e estômago que previne a volta do conteúdo estomacal para o esôfago. O estômago é protegido naturalmente contra os ácidos por ele produzido para fazer a digestão dos alimentos. No entanto, o esôfago não tem esta proteção contra o ácido. Quando o esfíncter inferior do esôfago se enfraquece, o conteúdo do estômago pode voltar para o esôfago, causando azia e podendo ou não danificar o revestimento esofágico.

Fumar é um esforço necessário para todos que desejam buscar saúde e longevidade com qualidade de vida. Não perca tempo: reveja seus objetivos de vida e pare de fumar!

Se tem dúvidas, procure nossa equipe de especialistas. Podemos te ajudar.